#Diáriodebordo: 23 de outubro de 2019

Estou no Maranhão participando de um congresso. É impressionante como a academia perdeu o sentido. Acho que perdi minha vaidade. As palestras são sempre as mesmas e continuamos no achismo da certeza de que sabemos mais dos outros que os próprios outros. A ingenuidade da prepotência. Por falta de identificação, vim para o hotel escrever. As palavras brotam sem eu saber de onde. Acho que tenho um poema que fala sobre isso. Por um instante fico com medo de enlouquecer. Minha cabeça acelera como um carro de fórmula 1. Em algum momento vou precisar parar. Mas, não agora. O fato é que nessa corrida contra o tempo, acabo de terminar meu primeiro livro de poemas. Mas não quero chamá-lo assim. Primeiro porque vi a complexidade que é para escrever um livro. Deus me livre! Muitos protocolos e avaliações limitam a criação. E há sempre alguém dizendo o que é bom. Para quem? Não há liberdade na escrita. Segundo porque escrever um poema também é complexo, exige técnicas e eu não as tenho. Fico então com um livro sem título de textos-poemas. Acho que esse poderia ser um bom título, caso eu venha a publicá-lo. Isso me daria uma certa liberdade. Eu aceito! Não é um livro e nem são poemas. Acabo de me autoriza a escrever o que quiser, afinal não sou uma escritora. Mas o fato é que, após terminar esse não-livro, estou perdida no vácuo. Entendo o que disse Clarice quando fala que morre entre um trabalho e outro. Não quero me comparar a ela, isso seria uma injustiça comigo mesma. Sorrio disso. Mas os sentimentos se assemelham, e hoje me sinto morta. Parece que nunca mais as palavras sairão de dentro de mim. Pode ser que isso seja uma verdade, mas não me interessa. Lembro-me que não sou uma escritora. Agora estou à beira da piscina, escrevo este texto e tenho que me preparar para apresentar um trabalho daqui a pouco, mas isso também não importa. Não há sentido, muito menos vaidade. Seja o que vier, estou pronta. Eu me encontrei, ainda que morta, e não sou uma escritora.

Posted In

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s